segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Assim matei, no colegial (para Natália)



Cri cri cri cri

Não dance assim,
tá todo mundo olhando!

Cri cri cri cri

Como tem coragem de sair com o JF?
O Luquinhas te ama!

Cri cri cri cri

Nojo, amiga.
Tenho nojo do que tá me contando
Na cara? Mas você nem o conhecia.
Como deixou na cara?

Cri cri cri cri

Você já bebeu tanto, não fume isso...
Sua doida, tire a mão daí!
Cri cri cri cri
Ai, pára!
Tire a mão...
Cri cri cri
Não, sua pervertida.
Você é doida mesmo, amiga
Cri cri
Pare com isso, por favor
Não, beijar não
Ai, não...
Cri...
Ai...
...

E assim matei o meu grilo falante

4 comentários:

Vivian disse...

Se a Naty ler isso vai ficar loka com vc! huahuahuahauhau

Queria saber escrever como vc, miga!!!

Fabrício Romano disse...

kkk, muito bom.... vou ler mais pelo blog...

Lanoia disse...

massinha q soh o seu blog, gostei d td aq, das pics, dos txt's \o/

ta óóótimo msm =**

Fabrício Sguissardi Basso disse...
Este comentário foi removido pelo autor.